segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Pop Festival \o/

Yéééééééé!!!!!!!
Ingressos na mão para o Pop Festival!
#vamoquevamo


Vamos ver Shakiraaa e Fatboy Sliiiiiiiiiiiiiimmmmm!!!


#putyourhandsup   

\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/\o/

Serviço: http://thepopfestival.com/sobre-o-festival/

quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Sarau Elétrico - Chico Buarque

Sarau Elétrico, sobre Chico Buarque, aniversário do profº Fischer, tudo muito divertido!
Fomos eu e o Fábio.. chegamos cedo, deu tempo de passar na padaria maravilhosa que tem na Av. Cauduro. Uma mercearia parecida com as européias, só que com um pãozinho delicioso (desculpa, eu não gostei dos baguetes!). Eles preparam um farroupilha com pão quentinho... hummm, de se derreter!

Nesse Sarau rolou letra de música e uma pérola que a Kátia Suman trouxe: Baralhinho do Momento.

Cheguei em casa e corri pra internet e veio o resultado... chorei de rir! O que o Fischer leu foi a carta CALMA.

Vale muito, acessa aqui.


Pra encerrar uma daquelas do Chico, de doer no coração de tão linda:


EU TE AMO 

Chico Buarque  

Composição: Tom Jobim / Chico Buarque

Ah, se já perdemos a noção da hora
Se juntos já jogamos tudo fora
Me conta agora como hei de partir
Ah, se ao te conhecer
Dei pra sonhar, fiz tantos desvarios
Rompi com o mundo, queimei meus navios
Me diz pra onde é que inda posso ir
Se nós nas travessuras das noites eternas
Já confundimos tanto as nossas pernas
Diz com que pernas eu devo seguir
Se entornaste a nossa sorte pelo chão
Se na bagunça do teu coração
Meu sangue errou de veia e se perdeu
Como, se na desordem do armário embutido
Meu paletó enlaça o teu vestido
E o meu sapato inda pisa no teu
Como, se nos amamos feito dois pagãos
Teus seios ainda estão nas minhas mãos
Me explica com que cara eu vou sair
Não, acho que estás te fazendo de tonta
Te dei meus olhos pra tomares conta
Agora conta como hei de partir.


Lindo...
Beijocas!

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Findi na prainha do coração


Capão Novo. Delícia de prainha... jeitinho de praia, nada de prédios altos, nem engarrafamentos.
Fomos tomar buffet de sorvete com a Carolzinha e o Maro.. namoramos, e eu aproveitei a praia, pq o Fábio só vai na praia quando colocarem lajota até a terceira onda!
ehehehehehehehhehe...



Na fotinho abaixo uma libélula que veio me visitar.

terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Os amigos....

Copiado de um Face por aí....amei o texto, por isso, repasso...
“Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila.
Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.
(...) Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo.
Deles não quero resposta, quero o meu avesso.(...) Escolho meus amigos pela alma l...avada e pela cara exposta.(...) Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem,mas lutam para que a fantasia não desapareça.
Não quero amigos adultos nem chatos
Quero-os metade infância e outra metade velhice.
Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto: e velhos, para que nunca tenham pressa.
Tenho amigos para saber quem eu sou.
Pois os vendo, loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que “normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril."

Oscar Wilde