domingo, 24 de maio de 2009

Ineditismo

Quantas vezes acontece de alguém achar que já disse algo e simplesmente sai falando como se você já estivesse por dentro do assunto?
Sabe quando tu pensa algo de alguém que na tua cabeça é muito nítido... mas nunca disse nada para esse alguém...
Aí quando resolve dizer... um pensamento que, para ti, já estava absolutamente tranquilo, banal até... A pessoa se magoa profundamente, pq a verdade, a sinceridade, é assim mesmo...
A verdade deve ser dita já. Se esperamos muito tempo para expressar algo que para nós parece trivial, ao ser dito pode ferir pelo simples ineditismo das palavras...
Eu dou um dedo para nao entrar em discussao e nos ultimos tempos estou louquinha para botar a boca....
Pq na minha cabeça, meu pensamento já está formado. Já estou decidida.... Então falar sobre o que não concordo se tornou fácil pois já nao me sinto parte de toda a presepada....
Se é bom ou ruim? Não sei, Lopes...
Pra mim é ótimo, pra quem ouve é péssimo....
Ainda mais que eu sou uma pessoa amavel na maioria das vezes. Não gosto de criar clima, não reclamo em restaurante, não falo com gerentes...
Mas nos últimos tempos, alguma força estranha, de mudança mesmo está tomando conta de mim, e estou me sentindo com os braços erguidos, em posição de defesa na luta de boxe, mas prontinha para atacar... Qualquer um, em qualquer lugar...
Estou precisando de sossego, e ao mesmo tempo agito...
Quero a música mais alta....
Quero gritar mais alto.
Quero me envolver em algo grandioso... E ainda não vejo o que é.
A espera é o que me mata, Lopes...
Passar o dia esperando, e nada acontece, as pessoas vem, vão, andam, param, falam e calam o tempo todo e pouca coisa alcança meu coração.
Eu não sou assim. Eu estou assim, e sei que é bem difícil de entender...
Mas todo mundo pode abrir a boca e falar o que bem entende. Eu também deveria poder.
Eu mais do que ninguém, por todos esses anos de silêncio, de boa filha, boa moça...
Se a minha mudança é essa, então que venha.
Que comece por aí. Que situe quem precisa de uma "situada".
E pronto... Falei.
O pensamento é bem esse. Ah pára! Vai dizer que tu não sabia?!?!?
Vai te fazer de louca?!?! De vítima, pra mim?!?!?
Ah, então tá... Continua fechada na tua cabeça, sem querer ouvir a verdade e quando ouve se fazendo de pobrezinha injustiçada....
To fora dessa loucura....
Cada vez mais fora!

Beijo-me-liga

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça parte da corrente, comente!