domingo, 10 de agosto de 2008

Filosofia de Vida

Um professor de Filosofia se levantou ante a classe e tinha alguns objetos à sua frente.
Quando a aula começou, silenciosamente ele apanhou um pote vazio e começou a encher de pedras, pedras de aproximadamente 2 cm de diâmetro.
Ele perguntou então aos estudantes se o pote estava cheio. Eles concordaram que estava. Assim, o professor apanhou uma caixa de pedrinhas, e as verteu no pote. Ele chacoalhou o pote ligeiramente. Os pedriscos, é claro, rolaram nos vãos entre as pedras.
Ele perguntou para os estudantes se o pote estava cheio. Eles concordaram que sim, estava. Os estudantes riram. O professor apanhou uma caixa de areia e verteu no pote. Claro que a areia encheu todo o resto.
"Agora", disse o professor, "Assim é a vida... As pedras são as coisas importantes: sua família, seu espírito, sua saúde e seus amigos! Coisas que se tudo mais fosse perdido e só eles tivessem permanecido, sua vida ainda estaria cheia. As pedrinhas são as outras coisas que importam como seu trabalho, sua casa, seu carro. A areia é tudo o mais: as coisas pequenas. Se você pusesse a areia primeiro, não haveria espaço para os outros objetos.

O mesmo acontece na vida. Se você gasta todo o tempo e energia nas coisas pequenas, você nunca terá espaço para as coisas que realmente importam.

Preste atenção às coisas que são fundamentais para sua felicidade.

Brinque com crianças. Arranje tempo para cuidar da saúde.

Dance, dance e dance.

Sempre haverá tempo para ir trabalhar, dar um jantar e arrumar o armário.

Cuide primeiro das pedras! As coisas que realmente importam.

Estabeleça suas prioridades.

O resto é só areia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça parte da corrente, comente!